THIS CONTENT IS
CURRENTLY UNAVAILABLE
Marketing Multinível aprenda como recrutar

As vantagens do MEI ( Micro empreendedor individual) para o marketing de rede

Rodrigo Moneron      quinta-feira, 28 de abril de 2016

Compartilhe esta página com seus amigos

Tornar-se um Microempreendedor Individual (MEI) pode ser a solução para muita gente que busca abrir o seu próprio negócio, sem sócios e com baixa renda no início (para enquadrar-se na categoria, a renda anual da sua empresa não pode exceder os R$60.000,00). Se este é o seu caso, conheça todas as vantagens dessa nova forma de tornar-se empresário e contar com direitos inerentes à categoria, sem precisar pagar impostos exorbitantes que não condizem com os seus lucros. 

Imposto Único - Tornar-se um MEI implica em uma taxa única mensal paga através de um carnê anual. A modalidade enquadra-se no Simples Nacional e, portanto, fica isento de IR, PIS, IPI, Cofins, dentre outros. O valor pago mensalmente varia de R$45,00 a R$50,00 e é atualizado anualmente, quando ocorre o reajuste do salário mínimo. Dependendo do Estado em que você atua e da atividade exercida, você pode informar-se na prefeitura do local sobre outros impostos ou taxas que possam incidir sobre sua empresa.

Direitos trabalhistas assegurados - Muitas pessoas sentem-se inseguras quanto à decisão de abrir mão de ser empregado para tornar-se patrão por acreditarem estar vulneráveis a situações como doença ou gravidez. Com o MEI, você não precisa se preocupar, pois o imposto único pago dá direito a benefícios como auxílio doença ou auxílio maternidade, além de ser considerado como tempo de contribuição para sua futura aposentadoria. 

Contrate um empregado - Caso sua empresa cresça e você precise de alguém para ajudá-lo a desempenhar suas atividades, a categoria dá direito a manter um empregado, desde que o mesmo receba como pagamento um salário mínimo ou o piso salarial da função desempenhada.

Sem burocracia - Foi-se a época em que alguns empresários não saíam da ilegalidade por temer a demora, burocracia e investimentos necessários para legalizar-se. Com a criação do sistema MEI, tudo ficou mais fácil. Sua empresa poderá contar com todo o amparo oferecido pela lei, de forma rápida, barata e segura. Não tem mais porque manter-se às escondidas. Corra atrás dos seus direitos, solicitando a abertura de um cadastro no MEI.

Conte com apoio especializado - consulte no Portal do Empreendedor quais as empresas que oferecem serviços gratuitos, como trâmites contábeis, por exemplo, para participantes do MEI. Além disso, as empresas dessa modalidade contam com apoio técnico do Sebrae (que pode ajudar muito em sua organização) e o direito à abertura de contas bancárias empresariais e acesso a programas de financiamento. 

Venda para todos, até mesmo para o Governo - Todos sabemos que o governo é um grande comprador de produtos e serviços. Tornando-se um MEI, você estará legalizado e, portanto, ganhará o direito de vender para quem quer que seja, mesmo que o comprador seja o governo. 

Diante de todos esses benefícios, vale a pena sair da informalidade e contar com todos os direitos e benefícios necessários ao trabalhador. Basta realizar a inscrição no Portal do Empreendedor, apresentar a documentação necessária e você receberá um CNPJ e o carnê para pagamento da taxa mensal.

 

 Se precisar falar comigo, Chame no (21) 99524-2997 / contato@rodrigomoneron.com.br

 Facebook

Funil de Recrutamento

Comentários